A maquiagem do filme Cabaret: a exuberância da sombra azul e cílios super alongados de Liza Minnelli

No filme "Cabaret", de 1972, Liza Minnelli dá vida à Sally Bowles, uma cantora do Kit Kat Club
No filme "Cabaret", de 1972, Liza Minnelli dá vida à Sally Bowles, uma cantora do Kit Kat Club
A maquiagem usada pela atriz no filme contrasta o glamour de seu trabalho nos palcos com a decadência em Berlim no ano de 1931
A maquiagem usada pela atriz no filme contrasta o glamour de seu trabalho nos palcos com a decadência em Berlim no ano de 1931
A produção dá especial ênfase aos olhos de Liza com sombra azul turquesa e cílios longos e volumosos
A produção dá especial ênfase aos olhos de Liza com sombra azul turquesa e cílios longos e volumosos
Apesar dos olhos serem o destaque, a personagem não abre mão do batom vermelho
Apesar dos olhos serem o destaque, a personagem não abre mão do batom vermelho
O blush bem marcado nas maçãs do rosto complementa o visual e ainda destaque sua pinta
O blush bem marcado nas maçãs do rosto complementa o visual e ainda destaque sua pinta

Em 1972, Liza Minnelli despontou para o sucesso internacional ao dar vida a Sally Bowles no filme "Cabaret". Na história, que se passa em Berlim no ano de 1931, a atriz interpreta uma cantora norte-americana que vive um triângulo amoroso, enquanto o partido nazista ascende ao poder. Seu visual retratada ao mesmo tempo o glamour exigido para o trabalho e a decadência dos tempos difíceis.

Olhos ganham destaque com sombra azul ousada


A maquiagem usada por Liza em "Cabaret" dá especial ênfase aos seus olhos grandes. Para suas apresentações no palco do Kit Kat Club, a artista aposta em uma exuberante sombra azul turquesa, aplicada em toda a extensão de suas pálpebras, até o limite com as sobrancelhas. Além da cor ousada, os cílios super longos e volumosos complementam a produção, garantindo um toque mais dramático.

As sobrancelhas de Liza, aliás, também possuem uma função importante neste visual. O formato bem fino e arredondado dos fios faz referência à moda da década de 1930 e relembra o estilo eternizado por Greta Garbo. Apesar dos olhos serem o maior destaque da maquiagem, os lábios não deixaram de receber atenção, já que ao longo do filme, Sally não abre mão de seu clássico batom vermelho.

Blush bem marcado realça maçãs do rosto


Para que os olhos e os lábios pudessem se destacar, a maquiagem prezava por uma pele claríssima e muito bem preparada. No entanto, para suas apresentações na noite de Berlim, a personagem precisava apresentar um visual mais exagerado e irreverente. Por isso, o blush avermelhado aparece bem marcado em suas maçãs do rosto e ainda garante mais atenção à pinta da atriz.

O filme dirigido por Bob Fosse é inspirado no musical de mesmo nome, que por sua vez foi baseado no livro "The Berlin Stories", de Christopher Isherwood. Apesar de ter estreado nos palcos ainda em 1966, "Cabaret" faz sucesso até os dias de hoje e está em cartaz na Broadway atualmente com a atriz Emma Stone no elenco. No Brasil, a peça já teve uma versão estrelada por Claudia Raia.