Base com alta cobertura deixa a maquiagem pesada? Desvende o mito e confira dicas para evitar o efeito carregado

Aprensa a evitar que a base de alta cobertura deixae a make com aspecto pesado
Aprensa a evitar que a base de alta cobertura deixae a make com aspecto pesado

A base com alta cobertura é grande aliada na hora de esconder imperfeições mais evidentes na pele, como marcas de espinhas, manchas e até vermelhidões mais teimosas. No entanto, muitas ainda temem aderir à fórmula por medo do efeito carregado, como se parecesse que está usando maquiagem em excesso. Mas com pequenos truques, é possível conquistar uma pele leve, natural e superuniforme com este tipo de base. Desvende o mito e aprenda a aplicar o produto!

Textura mais densa cobre todo o tipo de imperfeições por mais tempo

Embora as fórmulas de densidade leve e média sejam perfeitas para usar no dia a dia e até mesmo à noite, naqueles dias em que a produção pede um glamour extra, a base de alta cobertura é a opção ideal. Por ser mais densa, ela pode dar a sensação de ficar com um aspecto pesado no rosto, mas isso apenas depende da forma como é aplicada. A sua textura garante o cobrimento de todo o tipo de imperfeições, sendo ideal para quem sofre com manchas e melasma na pele. Além disso, este tipo de fórmula costuma ter uma duração muito boa, deixando a pele perfeita por mais horas.

Pincel duo-fibra e esponja umedecida são as melhores opções para aplicar a base de alta cobertura

Na hora da aplicação da base, evite usar os dedos ou um pincel língua-de-gato, já que estes tendem a concentrar o produto deixando a maquiagem mais densa e pesada. O ideal é optar pelo pincel duo-fibra, que tem as cerdas mais finas e afastadas, usando movimentos circulares firmes e rápidos em todo o rosto, começando pelo centro e espalhando em direção às laterais. A esponja também é uma excelente opção: a dica é umedecer a ferramenta para que esta espalhe o porduto com facilidade sem o absorver; e o truque é ir "pressionando" delicadamente a base contra o rosto, para que esta se funda com a pele.

Aplicar camadas leves até chegar à cobertura necessária é chave para um efeito natural

Outra dica para evitar um efeito pesado com a base de alta cobertura é construir camadas. O ideal é aplicar apenas um pouquinho no centro do rosto, na região das olheiras, testa, queixo e laterais do nariz, e espalhá-la para o restante da face. Se necessitar de mais cobertura em certos pontos, aplique mais uma camada, bem leve, apenas nessas regiões, ou use o corretivo. Para quem prefere a pele bem levinha, mas precisa cobrir certas imperfeições com um produto mais denso, o ideal é fazer a primeira camada com uma mistura de partes iguais de base de alta cobertura com o seu hidratante. Em seguida, use a esponja umedecida para aplicar uma camada fina de apenas base nas olheiras e outros pequenos defeitos.