Confira dicas para fazer as unhas dos pés como uma profissional

Saiba quais os cuidados necessários para fazer as unhas dos pés sozinha
Saiba quais os cuidados necessários para fazer as unhas dos pés sozinha

Tão importante quanto manter as unhas das mãos impecáveis, os pés também merecem uma atenção extra de cuidados. Como nem sempre é possível disponibilizar tempo para recorrer a uma profissional, algumas dicas simples podem ajudar a manter as pontinhas dos dedos dos pés sempre lindas es saudáveis.

Pés ficam mais expostos à microorganismos

Por ficarem próximos ao chão e muito expostos, os pés precisam e merecem uma atenção toda especial na rotina de beleza. Para manter as pontinhas dos dedos sempre bonitas, o primeiro passo é manter os pés hidratados e protegidos, já que estão expostos a microorganismos patogênicos, que causam doenças, além das ações externas, como suor, chuva e poeira. Antes de começar a fazer as unhas, vale deixar os pés submersos em uma bacia com água morna, além de apostar em uma esfoliação para eliminar as células mortas e renovar a saúde da região.

Após o banho é o momento ideal para fazer as unhas

Como a área fica muito exposta, o ressecamento pode ser um grande vilão para o resultado final. Para evitar o problema, o ideal é iniciar a esmaltação logo após o banho - visto que os pés estão mais suaves e recebem melhor os próximos produtos de cuidados com a região -, além de facilitar a remoção das células mortas, seja com a esfoliação ou com a ajuda de uma lixa específica para a área.

Formato do dedo vai definir o formato ideal para as unhas dos pés

O formato do dedo, no entanto, é quem vai ditar a forma ideal em que as unhas devem ser lixadas ou cortadas, evitando que encravem e causem inflamações nos cantinhos dos dedos. Se as laterais forem retas, aposte nas unhas quadradas, enquanto os dedos com formatos curvos devem ser finalizados com unhas arredondadas.

Base, esmalte e top coat são garantia de unhas lindas

Já as cutículas podem ser removidas ou hidratadas, dependendo da preferência. Para manter a proteção das unhas, vale aplicar uma camada de uma base específica para hidratar as pontinhas dos dedos. Em seguida, basta aplicar o esmalte na tonalidade escolhida. Para não correr o risco de borrar ao encostar um dedo no outro, uma dica é enrolar um pedaço de papel e entrelaçá-lo nos dedos, mantendo-os afastados durante todo o processo. Para finalizar a esmaltação, limpe os cantinhos borrados com a ajuda de um palito de laranjeira, envolto no algodão umedecido com removedor de esmaltes, e passe uma demão de top coat, que vai garantir um brilho extra e uma maior durabilidade do esmalte.