Lupita Nyong'o: qual tom de esmalte fica mais bonito na pele negra, sóbrio ou vibrante?

Lupita Nyong'o está sempre com a produção impecável e o destaque das unhas bem feitas faz toda a diferença no visual
Lupita Nyong'o está sempre com a produção impecável e o destaque das unhas bem feitas faz toda a diferença no visual
Lupita Nyong'o: qual tom de esmalte fica mais bonito na pele negra, sóbrio ou vibrante?

Lupita Nyong'o foi a grande revelação em beleza da temporada de premiações de cinema de 2014. Antes mesmo de ser consagrada com o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por "12 Anos de Escravidão", a atriz já chamava a atenção por sua aparições impecáveis nos tapetes vermelhos. E o estilo de Lupita não se restringe apenas às roupas. A atriz também investe em unhas elaboradas, alternando entre esmaltes de tons sóbrios e vibrantes.

Atriz é adepta de tendências e gosta de variar o visual

O makeup artist Nick Barose, responsável pela beleza de Lupita, revelou que a atriz adora usar a mesma cor do esmalte no batom, tendência que surgiu no hemisfério norte e já está em alta no Brasil. "Este é o toque final da produção. Combinar o tom dos lábios e das unhas está super na moda ", afirmou o profissional.

Assim como a maquiagem, os esmaltes também devem ser adaptados para cada tom de pele, pois podem ganhar mais ou menos destaque. O vinho é uma cor clássica e sóbria, porém, sobre a pele negra de Lupita, o tom não chama tanta atenção e acaba ficando apagado. Já o vibrante cor de rosa contrasta com a pele e deixa as mãos mais bonitas, como se as unhas fossem um acessório.

Esmaltes claros, metalizados e coloridos são melhores opções para mulheres negras

Os tons mais interessantes para pele negra são os clarinhos, que criam um efeito de unhas mais compridas; os metalizados, como o dourado, que são ótimas opções para usar em festas, pois destacam e dão brilho às mãos; e também os coloridos, que garantem um visual divertido e alegre. Já tons muito escuros, como marrom e preto, devem ser evitados, pois não se sobressaem sobre a pele.

Porém, estas dicas não são regras, e cada mulher deve usar o que a faz se sentir mais bonita. A escolha é pessoal, e deve ser feita baseada no seu estilo, levando em consideração o que a ocasião pede e a harmonia do restante da produção.