Mãos em dia: truques para fazer o esmalte durar mais

Cuidados antes, durante e depois da aplicação ajudam a fazer o esmalte durar mais
Cuidados antes, durante e depois da aplicação ajudam a fazer o esmalte durar mais

Unhas com cara de "vencidas" são uma realidade corriqueira e a correria da semana raramente deixa espaço para uma passada no salão. O jeito é cuidar do problema antes que apareça e se munir de todas as estratégias possíveis pra fazer o esmalte ficar no lugar por mais tempo. Os truques passam por todas as etapas, da preparação ao retoque rápido, passando pela esmaltação.

A culpa da pouca duração nem sempre vem da qualidade do esmalte. A razão pode estar na forma de aplicação e até no tipo de unha. Assim como a pele, a unha pode ser seca, mista ou oleosa e os dois extremos se dão mal no quesito duração. "Unhas oleosas ou ressecadas demais não seguram o esmalte", conta Graci Muniz, manicure da equipe do Atelier das Unhas.

Antes de tudo

A primeira e mais importante das dicas é: pague antes. Se escolher fazer a unha na manicure, aquela hora de tirar o dinheiro da bolsa pode acabar com todo o trabalho. Já para quem prefere fazer em casa, os cuidados começam com o vidrinho do esmalte. Guarde-os na vertical em um lugar arejado, lembrando sempre de verificar se estão bem fechados para não secar.

O ditado "panela velha é que faz comida boa" definitivamente não se aplica neste assunto porque esmalte bom é esmalte novo. Para ficar perfeito, ele precisa estar com uma textura bem fluida, igual a de quando você acabou de comprar. Misturar óleo de banana ou removedor pode até amolecer o líquido mas também vai alterar a composição. Nessa hora a única solução é comprar um novo; o que não é nenhum sacrifício para quem adora variar na cor.

Pontinhas lisas e unhas bem limpas , sem resíduos de produtos, ajudam na fixação. Para isso, lixe as unhas tomando o cuidado de se livrar daqueles restinhos acumulados e lave bem as mãos antes de começar. Um bom truque para verificar se não há irregularidades é, literalmente, arranhar um tecido e checar se as unhas vão ficar presas em algum pedaço. Caso o teste dê positivo, volte a lixar a área até ficar perfeita.

Durante o processo

Para criar uma superfície mais aderente, não dispense a base que, além de proteger, também faz o esmalte durar mais. Além disso, não se apresse ou exagere: na hora de fazer as unhas, menos é mais. Uma ótima dica é escolher um esmalte de longa duração, para que dure pelo menos uma semana inteirinha nas unhas, e ao passar, aposte no máximo em duas camadas. Quanto mais fina cada aplicação, melhor. Outro trunfo é a paciência, já que é preciso esperar a primeira camada secar para passar a outra. Do contrário, o esmalte pode embolotar e fixar menos.

Finalize tirando o excesso de esmalte da pontinha das unhas. O mesmo pauzinho de laranjeira com algodão usado para limpar as laterais, pode servir para corrigir a área.

Depois de pronto

Top coat, extra brilho ou cobertura intensificadora de cor. Os nomes são vários mas a função é a mesma: dar aquele acabamento profissional à unha, dizimar as incômodas bolinhas e turbinar o tempo de duração do esmalte. Aplique logo depois que terminar e leve-o sempre na bolsa: "quando a unha lascar ou perder o brilho, é só aplicar mais uma camada", aconselha Graci. Depois de todo esse ritual, basta manter o cuidado com as mãos durante a semana evitando mexer com água quente e usando sempre luva nos trabalhos domésticos.