Qual é a diferença entre maquiagem craquelada e acumulada? Entenda o que muda nesses dois cenários e saiba como evitar

Uma pele com maquiagem craquelada é a mesma coisa que uma make acumulada? Veja as diferenças na matéria (Foto: Instagram  @africanmelaninnn)
Vale seguir as dicas da matéria para fugir do risco de ter o look detonado pelo efeito craquelado ou acumulado (Foto: Instagram  @roxxsaurus)
A hidratação é a chave do sucesso para evitar um cenário de make mal acabada no look (Foto: Instagram  @heygorjess)
Uma pele com maquiagem craquelada é a mesma coisa que uma make acumulada? Veja as diferenças na matéria (Foto: Instagram @africanmelaninnn)

Efeito craquelado e acumulado podem até parecer palavras sinônimas no mundo da maquiagem, mas estão looonge de ser a mesma coisa! Em geral, os dois makeup effects são o pesadelo das beauty addicts e acontecem por conta de algum errinho na preparação da pele, nível de oleosidade do rosto e acabamento pouco caprichado na base ou corretivo. Bem complicado, né? Mas agora, para saber o que cada um representa e entender de uma vez por todas quais são as diferenças entre esses dois resultados que detonam a produção, continue lendo a matéria e não confuda mais!

Maquiagem craquelada geralmente acontece nas áreas mais ressecadas do rosto

O que é? Sabe quando você se olha no espelho e percebe os poros supervisíveis e a base ou corretivo começando a esfarelar pouco tempo depois de fazer a make? Isso, infelizmente, é o efeito craquelado dando as caras no seu look. Mas tem uma explicação: em geral, o motivo é a falta de hidratação da pele - e é exatamente por isso que áreas mais ressecadas do rosto são as mais afetadas.

Como prevenir: para que isso não aconteça, investir em uma camada de hidratante é o must do de todas as maquiagens, tanto as leves para o dia quanto para a noite. O motivo é porque o ressecamento costuma indicar a falta de água na pele, que apenas uma hidratação regradinha pode resolver. Além disso, não se esqueça de um bom primer para preencher os poros, selar o rosto e criar uma camada perfeita por baixo da base!

Efeito de maquiagem acumulada costuma se concentrar nas linhas de expressão

O que é? Já reparou como corretivos e bases às vezes se acumulam nas linhas em volta dos olhos, nas pálpebras e no bigode chinês? Esse é o exemplo mais claro de uma maquiagem acumulada e tão temida pelas makeup lovers com rugas e linhas de expressão mais aparentes ou peles oleosas - outro fator que costuma ser um problema nessas situações, causando o acúmulo frequente de produtos no rosto. Para resolver a situação, vale apostar em alguns cuidados com a pele e investir em um acabamento de make bem feito!

Como prevenir: a ideia é facilitar o trabalho da make limpando e hidratando o rosto para, depois, usar produtos matificantes. Mas tem que fixar beeeem a base e corretivo, viu? Para isso, aplicar os produtos com uma esponjinha de make umedecida ou pincéis duo fibra pode ajudar bastante. Por fim, vale tomar bastante cuidado também com a quantidade de make usada: nada de exagerar com uma maquiagem em excesso!

Redação: Raquel Carletto