Sete erros cometidos na hora de usar o corretivo: saiba como fugir deles

Alguns errinhos podem acabar com o efeito do corretivo. Veja as principais falhas e saiba como evitar
Alguns errinhos podem acabar com o efeito do corretivo. Veja as principais falhas e saiba como evitar

Elaborado para ser um dos maiores aliados da beleza feminina, o corretivo pode ganhar o efeito contrário quando aplicado de maneira incorreta. Enquanto as manchinhas, acnes e olheiras precisam ser escondidas para conquistar uma pele perfeita, o produto muitas vezes acaba realçando ainda mais os defeitinhos da cútis. Mas para aquelas que não querem correr o risco de errar, o Tudo Sobre Make listou as sete principais falhas na hora de aplicar o corretivo.

1 - Iluminar as olheiras

As olheiras são o principal motivo para as mulheres investirem no corretivo. Porém, a ansiedade por camuflar o problema pode levar as mulheres a escolher produtos com uma textura mais pesada e tom levemente mais claro do que a pele, já que as olheiras costumam ter uma tonalidade mais escura. O efeito, no entanto, acaba sendo justamente o contrário do desejado, já que o corretivo vai destacar e iluminar ainda mais a área que deseja esconder. Invista nos cosméticos com acabamento mais leve e opacos.

2 - Esquecer o pó para finalizar a pele

Mesmo escolhendo o corretivo ideal para a tonalidade da pele, os defeitinhos podem continuar evidentes se a make não for finalizada da maneira correta. Para manter o rosto uniforme e natural, vale apostar em um pó solto ou translúcido para garantir uma pele perfeita após o uso do corretivo.

3 - Não observar as diferenças das fórmulas

Existe um motivo para as diferentes fórmulas de corretivos, por isso ignorá-las pode atrapalhar na hora de esconder os defeitinhos da pele. Os cosméticos sólidos e com cobertura mais opaca, como os em bastão, são perfeitos para camuflar manchas ou acnes no rosto. Já os corretivos líquidos são ideiais para as olheiras, já que a região é mais delicada e precisa de um acabamento mais suave.

4 - Não usá-lo em outras funções de beleza

Assim como tantos outros produtos que ocupam a nécessaire feminina, o corretivo também pode assumir funções múltiplas. Por isso, vale acabar com as limitações e apostar no cosmético também para fixar melhor a sombra, igualar o tom dos lábios antes do batom e até mesmo como iluminador ou contorno, dependendo da tonalidade do corretivo.

5 - Esquecer de clarear a sombra da espinha

O momento de esconder as acnes também pode ter algumas peculiaridades. As espinhas em alto-relevo podem criar pequenas sombras na pele, por isso de nada vai adiantar camuflar apenas o local inflamado, esquecendo a região ao redor. Vale estender o corretivo para uma área um pouco além da acne, para manter a pele uniforme.

6 - Aplicar o corretivo antes da base

A ordem da maquiagem pode fazer toda a diferença para o resultado final da pele. Para o corretivo, o indicado é aplicá-lo sempre após a base, fazendo com que o produto receba a função apenas de camuflar os defeitinhos que o primeiro produto não foi capaz de esconder sozinho, o que vai deixar a make muito mais natural e leve.

7 - Aplicar o corretivo com os dedos nas acnes

Apesar das olheiras serem bem camufladas com o corretivo aplicado com a ponta dos dedos, com leves batidinhas, com as acnes o resultado não será o mesmo. Como a área é pequena, o ideal é contar com a ajuda de um pincel fino, que consiga cobrir exatamente a região da pele marcada.