Sombra: confira dicas de Vanessa Rozan para esfumar com perfeição

Siga as dicas e aprenda a fazer um esfumado perfeito
Siga as dicas e aprenda a fazer um esfumado perfeito

A sombra é um item que está presente na rotina diária de beleza da maioria das mulheres. Afinal, de acordo com a tonalidade do produto e a intensidade da aplicação, ela pode complementar diferentes estilos de produção, além de realçar a cor, o formato e a definição dos olhos. No entanto, nem sempre o efeito final sai como o desejado. Para corrigir possíveis problemas, confira algumas dicas para criar o esfumado perfeito.

Para um visual impecável, esfume bastante


A primeira regra para elaborar um visual impecável é esfumar bastante. Esta dica é fundamental, pois quanto mais esfumada a sombra estiver, menos ela vai aparentar possíveis diferenças entre uma tonalidade e outra no mesmo visual. "Uma dica bacana é sempre começar pelo canto externo do olho e esfumar de fora para dentro, assim é possível determinar o limite do esfumado", sugere Pablo de Paula, maquiador do salão Fino Capelli.

Para a maquiadora Vanessa Rozan, o melhor pincel para esfumar é o redondo e fofo, como uma versão em miniatura do indicado para o blush, pois ele ajuda a espalhar melhor o pigmento. "Já quando a sombra é cremosa, eu prefiro esfumar com um pincel chato, puxando dos cílios para o concavo", comenta ela. Por ter a ponta mais fina, é mais fácil girá-lo em pequenos movimentos circulares, o que deixará o esfumado muito mais bem feito.

Formato do olho e textura da sombra também são importantes


Cada pessoa possui um formato de olho diferente das outras. Justamente por esse motivo, é preciso saber qual tipo de esfumado irá favorecê-lo da melhor forma. "O mais importante é observar o espaço que o olho tem para esfumar, como quanto espaço tem entre o côncavo e a sobrancelha e o quanto a pálpebra móvel fica aparente com os olhos abertos", explica Vanessa, maquiadora.

O mercado de cosméticos oferece uma enorme variedade de texturas e acabamentos de sombras e também há técnicas especiais para cada uma delas. Para uma metalizada, o indicado é manter o esfumado apenas nas pálpebras móveis. Já a cintilante pode ser usada para marcar o côncavo. "Existem várias formas de se esfumar um olho, mas o melhor é usar aquela sombra que mais se adequar a você", finaliza Pablo.