Um batom para cada idade: maquiador indica as melhores escolhas para cada fase da vida

 Antes dos 20 anos as adolescentes têm que usar uma cobertura translúcida nos lábios para complementar o brilho natural da pele 
  

Antes dos 20 anos as adolescentes têm que usar uma cobertura translúcida nos lábios para complementar o brilho natural da pele

 

 O rosa é a aposta certeira para o romantismo dos 20 e poucos anos

O rosa é a aposta certeira para o romantismo dos 20 e poucos anos

 Identidade estabelecida faz dos vermelhos a melhor pedida para os 30 anos 
  

Identidade estabelecida faz dos vermelhos a melhor pedida para os 30 anos

 

 Mulheres de 40 anos já sabem as cores que mais combinam com sua pele e são seguras para escolher seus batons preferidos

Mulheres de 40 anos já sabem as cores que mais combinam com sua pele e são seguras para escolher seus batons preferidos

 Depois dos 50 anos os marrons marcam o visual de uma forma elegante

Depois dos 50 anos os marrons marcam o visual de uma forma elegante

O batom é um dos itens de maquiagem mais queridos da nécessaire feminina e acompanha as mulheres pela vida inteira. Para desvendar qual cor e acabamento fica melhor em cada idade, o maquiador Guilherme Camilo revelou sugestões que vão da adolescência até a maturidade, passando por toda a fase adulta. Confira o resultado dessa conversa e descubra qual a melhor escolha para você.

Adolescentes têm que aproveitar os lábios para complementar o brilho natural da pele

Segundo o maquiador, as meninas dessa idade já têm um brilho natural que só precisa ser realçado pelos lábios: "elas podem abusar do acabamento translúcido através de um batom ou de um gloss que pode conter um pouco de glitter ou apenas o brilho molhado", indica o profissional.

Com 20 e poucos anos os rosados são a aposta mais abrangente

Na década em que é dado o pontapé da vida profissional e afetiva, Guilherme Camilo indica que os batons rosados são a melhor escolha: "eles refletem o romantismo desse início da vida e podem ter desde um acabamento mais sequinho até os mais cintilantes", diz. É sempre bom lembrar que cada mulher pode adequar a tonalidade do rosa à sua personalidade, escolhendo tons vibrantes e escuros se for mais extrovertida ou lançando mão dos clarinhos se for tímida.

Identidade estabelecida faz dos vermelhos a melhor pedida para os 30 anos

Aos 30 anos, o maquiador Guilherme Camilo acha que é a hora de apostar com tudo nos vermelhos: "nessa idade elas já se estabeleceram no mercado de trabalho e provavelmente encontraram o seu príncipe encantado. Por essas razões as mulheres dessa idade têm muita identidade e isso se reflete no batom vermelho", conta.

Fase dos 40 anos conta com a vantagem do conhecimento pessoal

Para Guilherme Camilo as mulheres já são donas de sua história aos 40 anos e sabem perfeitamente o que lhes cai bem: "nessa fase da vida elas já experimentaram tudo e podem ter liberdade para fazer suas escolhas", afirma o profissional. Essa é a hora de colocar em prática todo o conhecimento próprio e escolher as cores que mais combinam com seu tom de pele ou se adequam ao seu estilo de se vestir.

Depois dos 50 anos cuidados com a saúde dos lábios é fundamental

Antes de pensar em cor, o maquiador diz que a prioridade das mulheres que já passaram dos 50 anos é cuidar da saúde dos lábios: "um hidratante labial todos os dias é fundamental", indica. Outro cuidado que Guilherme Camilo ensina é sempre contornar bem a boca antes de colorir: isso vai manter o formato intacto mesmo que haja alterações na firmeza. Como representação da maturidade o especialista sugere o uso dos marrons, que são fortes e marcam o visual de forma elegante.