Usar pó compacto envelhece a pele? Posso usar depois do protetor? 9 dúvidas sobre o pó facial

Saiba tudo sobre o pó facial e entenda como usar cada tipo de pó da melhor maneira na maquiagem (Foto: Maybelline NY)
Saiba tudo sobre o pó facial e entenda como usar cada tipo de pó da melhor maneira na maquiagem (Foto: Maybelline NY)

Você sabe como usar o pó de maquiagem? Conhece todos os tipos e saberia quando usar cada um no seu look? Se a resposta foi não, fique tranquila: reunimos as 10 maiores dúvidas quando se fala de pó compacto, solto ou translúcido - agora é só anotar as respostas e se tornar uma verdadeira autoridade no assunto!

1. Pó compacto envelhece a maquiagem na pele?

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Maybelline NY Brasil (@maybellinenybrasil) em

Só se usado em excesso.

O pó compacto é perfeito para evitar o brilho excessivo e fixar melhor os produtos líquidos - mas se aplicado demais, ele pode acumular nas linhas de expressão e deixá-las mais evidentes. O segredo é usá-lo apenas na zona "T" com um pincel macio de cerdas volumosas.

2. Pó translúcido pode ser usado em todos os tons de pele?

Sim!

O pó translúcido é composto de partículas bem fininhas e não tem pigmentação suficiente para deixar qualquer cor no look - exatamente por isso que é chamado de "translúcido"! De qualquer jeito, o truque para deixar esse pó invisível está na quantidade e na forma de aplicar, por isso, use sempre aos poucos e espalhando bem!

3. Posso usar só o pó compacto na pele?

Depende...

Você pode usar o pó compacto na pele sem make para deixar o rosto sequinho e matificado, mas é importante lembrar que esse tipo de produto não tem o mesmo resultado poderoso se usado dessa maneira, viu? O look fica muito mais bonito quando a dupla base + pó entra em ação!

4. É melhor aplicar o pó facial com esponja ou pincel?

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Whitney Madueke (@whitneymadueke) em

Depende...

As duas opções são válidas e devem ser escolhidas conforme o gosto de cada pessoa. Em geral, a pequena diferença é que com a esponjinha você consegue uma cobertura mais intensa, enquanto que com o pincel a cobertura do pó fica bem leve e natural.

5. Como saber o tom de pó ideal para minha pele?

Fazendo o teste no maxilar.

Para escolher o tom de pó ideal, o segredo é testar as opções na região entre o rosto e o pescoço. Aquela tonalidade que "sumir" na pele é a perfeita! Outra dica de ouro é se guiar pelo tom da base - se ela for mais escura, o pó mais claro ajudo a equilibrar o resultado e vice-versa.

6. Qual o melhor pó de maquiagem?

Varia conforme a necessidade da maquiagem.

Cada tipo de pó tem uma função específica para a maquiagem, por isso, não existem melhores ou piores, mas aquele que é perfeito para determinada função. 

Pó compacto: entrega uma cobertura mais intensa, deixando o visual sequinho e sóbrio nas makes de festa;

Pó solto: mais soltinho e com uma textura suave, perfeito para finalizar as maquiagens do dia a dia;

Translúcido: ajuda a matizar a pele, controlar a oleosidade e selar base e corretivo sem alterar a cor do look;

7. Pele oleosa pode usar pó compacto?

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Melissa Alatorre (@alatorreee) em

Sim!

Não existe nenhuma contraindicação sobre o pó compacto para pessoas com pele oleosa - muito pelo contrário, os produtos em pó são os melhores amigos de quem lida com o brilho excessivo no look. Pode se jogar sem medo, viu?

8. Como aplicar o pó para finalizar a make?

Do centro do rosto para as extremidades.

O primeiro passo é depositar o pó na parte central do rosto dando leves batidinhas e espalhando os pigmentos para fora ao longo de toda zona "T". Desta forma o produto é aplicado exatamente nas áreas mais oleosas e, assim, o brilho fica controlado no rosto. 

9. Posso usar o pó solto depois do protetor solar?

Não só pode como deve!

O protetor solar deve ser sempre aplicado antes do pó/base e depois do hidratante - assim a pele se mantém hidratada, protegida e maquiada da melhor maneira possível. Nesse caso a ordem faz diferença, ok? Nada de mudá-la!

Redação: Raquel Carletto